Para chamar a polícia, os bombeiros ou uma ambulância, disque 9-1-1. Esta chamada é gratuita em qualquer telefone público (não é necessário usar moedas). Nas vias expressas, há caixas com telefones de emergência instaladas aproximadamente a cada 1 quilômetro (meia milha) que o colocarão em contato com o auxílio necessário. Os motoristas podem discar *FHP (*347) nas rodovias interestaduais e auto-estradas da Flórida para chamar a Polícia Rodoviária da Flórida (polícia estadual).

Passaporte e visto americano são dois temas muito pedidos aqui no VPD e hoje vamos tentar ajudar a todos que buscam um passo a passo de como se preparar para uma viagem ao exterior. Vale lembrar que é recomendado que ambos passaporte e visto sejam obtidos antes mesmo da compra da passagens e reserva dos hotéis, pois sem eles uma pessoa não pode entrar nos EUA.

Prova de residência no seu país de origem, para onde tenha intenção de retornar ao final de sua viagem para os Estados Unidos.  Essa prova normalmente é estabelecida através de família, trabalho, propriedades e outros laços ou compromissos para com seu país de origem e que seja(m) suficiente(s) para forçar o solicitante a voltar quando do final de sua viagem.
No caso de menores brasileiros adotados sob o processo da “Convenção de Haia” e que estejam saindo do Brasil pela primeira vez em companhia do(s) pais adotivo(s, deverá ser apresentado à Polícia Federal, no momento da fiscalização migratória, alvará judicial com autorização de viagem expedido nos termos do § 9, artigo 52, do Estatuto da Criança e do Adolescente com a redação dada pela Lei No. 12.010/09.

Por exemplo: Você vai viajar com a sua mãe durante 15 dias. A soma dos valores do limite do seu cartão de crédito e dela, o dinheiro em espécie que cada um está carregando e o saldo bancário precisa ser superior a €1950 euros, ou €975 euros para cada um. Não importa se já está tudo pago, esse é o valor mínimo a ser comprovado para o oficial da imigração. Leia Quanto Custa Viajar pela Ásia, Europa e América do Sul
é importante tb vc saber q se vc nao for pegar um vôo direto BR – PT, ou seja, se for fazer conexao em outro país, vc tem q procurar informaçoes especificas, pq se eu nao me engano, vc passará pela imigraçao nesse país de conexao. digo isso pq conheco uma pessoa q vai a portugal mes q vem e vai fazer conexao na espanha e tá pegando informaçoes concretas sobre o caso. pode ser q nao precise de nada, mas é melhor ter tudo certinho na hora do q ficar plantado no aeroporto por causa de problemas com documentos.
Agora, os menores que estejam viajando sozinhos para fora do Brasil ou acompanhados por apenas um dos pais/guardiães legais ou terceiros terão que apresentar a autorização de viagem que obedeça a Resolução 131. A autorização terá que ser apresentada no momento do “check in” perante a empresa área, marítima ou terrestre, mesmo se os pais ou outros guardiães legais estiverem presentes.
Vou começar meu Work Exchange agora em novembro e tenho dúvidas em relação a comprovação financeira. Estou agora na Irlanda e o roteiro começa por Lisboa (30 dias), Sevilha (30 dias) e Toulouse (30 dias), daí saio do Espaço Schengen pra ficar mais 90 pela Croácia/Sérvia e então volto ao Espaço Schengen pela Alemanha para ficar mais 90 dias em Schengen. Entendi através dos comentários que só precisarei apresentar os documentos de seguro, comprovação financeira e carta de acomodação no ato de entrada do espaço (Lisboa), saída (Croácia) e entrada (Alemanha).
Se você estiver solicitando um visto pela primeira vez, irá precisar fazer o agendamento das duas entrevistas no sistema. Aqui é importante observar que o sistema irá pedir para agendar a entrevista ao consulado/embaixada primeiro e depois irá pedir para agendar a pré-entrevista no CASV, então, preste atenção para marcar a pré em uma data anterior a entrevista no consulado. Não será possível marcar a pré-entrevista e a entrevista no mesmo dia.
Por exemplo: Você vai viajar com a sua mãe durante 15 dias. A soma dos valores do limite do seu cartão de crédito e dela, o dinheiro em espécie que cada um está carregando e o saldo bancário precisa ser superior a €1950 euros, ou €975 euros para cada um. Não importa se já está tudo pago, esse é o valor mínimo a ser comprovado para o oficial da imigração. Leia Quanto Custa Viajar pela Ásia, Europa e América do Sul

MOCHILÃO LONGO: Se você vai fazer um mochilão longo, vai precisar planejar bem o tempo que vai ficar dentro do Espaço Schengen e o tempo que vai ficar fora. Por exemplo: Você quer ficar um ano sabático viajando pela Europa, para isso considere usar seus 90 dias consecutivos dentro do espaço e depois saia pelos 90 dias para Irlanda, Reino Unido, Bulgaria, Chipre, Croácia, Romênia e até Rússia, Turquia, Montenegro e Albânia. E só depois que fechar os 180 dias, volte. No mochilão fica fácil de planejar o roteiro considerando o tempo do visto.


DÚVIDAS SOBRE A EMISSÃO DO PASSAPORTE? Recomendo você ligar gratuitamente para o número 194, ou andar e-mail para a Polícia Federal no endereço faleconosco@dpf.gov.br. Mais uma vez, como a Renata e eu não somos especialistas em passaporte, as perguntas relacionadas ao tema que forem deixadas nos comentários dessa página, serão aprovadas, porém não respondidas. Melhor não falar nada do que falar qualquer achismo, certo?
tudo bem ! estou me planejando para ir a suiça agora no final de junho dia 30 e retorno dia 17 julho…Estou na duvida em questão do quanto irei levar para la pq irei ficar em casa de amigos …qual valor exatamente devo levar para apresentar na imigração para eu poder ir segura que eu nao irei volta para o brasil por conta disso …. minhas passagens ja estão comprada ida e volta , vc acha que terei algum problema quanto a isso !

Pra buscar o passaporte, basta retornar ao posto da PF na data estipulada. O documento deve ser retirado pela própria pessoa. Mesmo para os menores de 12 que não assinam, ou seja, têm em sua solicitação a marcação “menor não alfabetizado”, é preciso ele estar presente para a entrega do passaporte a um dos seus pais ou responsável legal. Não são os dois pais que precisam ir junto nessa etapa, apenas um já basta. Com passaporte em mãos, corra para casa e dê início a solicitação do visto.
Bom dia amigo, estou planejando uma viagem de cerca de um ano pela Europa, mochilando e fazendo work exchange dentro e fora da área Schengen. Entretanto, me deparo com o problema da passagem de volta, já que mochilando e conhendo novas pessoas posso mudar de destino facilmente, não tendo assim como prever onde estarei depois de 90 dias e para qual país fora da área que irei. Você tem alguma sugestão em como eu poderia contornar esse problema?
O que nós fazemos desde sempre é: levar um pequeno valor em euro para emergência e um cartão internacional desbloqueado, e chegando no aeroporto de Paris, realizar os saques em qualquer caixa eletrônico compatível com sua bandeira. A taxa de saque sai mais barata do que a conversão em casas de câmbio. E cartão pré pago hoje em dia é muito pouco utilizado. Sobre o valor é um pouco difícil de dizer, pois nunca ficamos esses dias todos em Paris, então não sabemos o valor de passeios e tal. Hospedagem e alimentação na cidade são caros.
Dar gorjeta também é apropriado em salões de beleza e spas (corte de cabelo, manicure, massagem, etc., 15% do valor total da conta), carregadores no hotel ou no aeroporto (US$1 por mala), manobrista (US$2, quando ele entregar o seu carro), motorista de táxi (15% do valor da corrida) e serviço de camareira, se você estiver hospedado em hotel de alta categoria (US$1 - US$2 por dia de estadia). Em pacotes de turismo, os condutores e motoristas normalmente devem receber US$10 por dia do grupo como um todo: verifique se este valor já foi calculado no custo do pacote e, portanto, pré-pago. Para passeios turísticos locais, você poderá dar ao motorista ou guia uma gorjeta individual, caso este(a) tenha sido solícito(a) e informativo(a); a quantia fica a seu critério.
Leticia, para Londres os requisitos de entrada não são necesariamente os mesmos do restante da Europa porque o Reino Unido não faz parte do Espaço Schengen. No entanto, eu recomendo seguir o mesmo padrão europeu, levando os mesmos documentos (seguro viagem, comprovante de estadia, passagem de volta, etc) pois garante que não terá problemas na entrada.
No ano de 2018 o Brasil atingiu um recorde de mais de 3 milhões de pessoas desempregadas tentando por mais de 2 anos se realocar no mercado de trabalho. Isso demonstra o quão importante é investir em qualificação profissional, aumentando assim as chances de se conseguir um bom emprego e se diferenciar dos concorrentes. Nossa missão é facilitar ao máximo o acesso a conteúdo de qualidade de forma gratuita para que você possa evoluir profissionalmente.
×